Então e se a Formula 1 tivesse uma liga só com carros pequenos de cidade?

🕒 Tempo de Leitura | 1 min

Muitas das coisas mais fascinantes que chegaram até nós nasceram de uma pergunta tão simples quanto “Então e se…?”. Nunca se sabe se o mesmo não poderá acontecer com esta ideia (que à partida parece absurda) da agência Dennis Publishing, em parceria com o designer de automóveis Javier Oquendo. Em cima da mesa está uma proposta arrojada para uma nova liga da Formula 1, onde as principais fabricantes transformariam os carros das suas gamas mais baixas em carros de corrida, numa espécie de Grand Prix em miniatura. Basicamente, teríamos veículos do dia-a-dia a circular a velocidades estonteantes de pista, com pneus de competição e os famosos decalques de patrocínios. Imaginem só o que seria um Fiat 500, um Smart, um Alfa Romeo Mito ou um Aston Martin Cygnet, carros de cidade, a cortar a meta no Mónaco. Claro que isto traria necessariamente novos e grandes desafios a pilotos e engenheiros, para além de ser, sem dúvida, uma experiência interessante de se ver para o público.

O que dizem? Votam sim, não ou abstêm-se?